Império de Tolan

From Uninoskort

Conteúdo

O Mausoléu de Ébano

A entrada do mundo pós-vida. Parece qualquer Igreja de Tolan, não é muito grande, e nem muito majestosa. Apenas toda preta, e nela que na companhia de Tolan, o morto é levado após andarem pelo deserto da entre-vida. E aqui que ele se despede sempre da mesma forma: “Por toda uma vida te esperamos, por toda uma morte lhe teremos’.


O Tribunal da Última Justiça

No outro lado da Igreja tem uma porta que ao ser aberta, toda a luz domina e o brilha ofusca toda a visão. Sem precisar dar um passo se quer, você é levado para o Tribunal da Última Justiça. Lá está Bysen, a deusa da justiça, a justiça cega e imparcial.

Ela chama o Orador, aquele que não tem nome, e apenas fala sobre aquilo que fizemos. O Orador abre o “Pergaminho de ...”, completando com o nome do falecido. E lê tudo aquilo que é nobre e tudo aquilo que é pecaminoso. Atrás do tribunal, sempre tem uma platéia, de um lado é um poleiro de corvos que ficam gritando “culpado, culpado” para tudo que o falecido fez de mal. Do outro, anjos iluminados batem palma para cada coisa boa feita.

No final, a deusa bate o martelo. E diz as seguintes palavras “O homem prega suas leis e faz delas minhas palavras, mas ele julga aquilo que considera certo, e não o que é o certo, pois se você não vê a luz da alma, você não vê o que realmente merece. Assim, diante de tais fatos, e tudo que realizou, eu assim condeno...”

  • ”... ao mais belo sonho de Tolan” – Então anjos vem pegam na mão do falecido e saem voando pela janela do tribunal, rumo aos céus.
  • ”... ao mais terrível pesadelo de Tolan” – Os corvos partem para cima do falecido e começam a bica-lo, até seu corpo ser destruído e ser levado aos pedaços para uma profunda caverna onde lá é remontado.

A Planície do Sonho

um mundo de amor
Ampliar
um mundo de amor

Não existem divisões no Sonho, todos aqueles que aqui são levados viverão a eternidade, podendo ir de um canto ao outro, e usufruir de todas as maravilhas que Tolan preparou para aqueles que viveram com respeito e grandes glórias de suas vidas.

Não existem cercas, apenas um enorme mar sem fim, pois a Planície é uma ilha. As águas do mar da esperança estão sempre frescas. E todas as praias parecem estar num verão eterno. São vestidos pelos anjos com uma túnica de lã branca, e todos se vestem igual, pois ali todos são iguais. Não existem leis, e tudo que querem terão uma harpa para tocar uma canção, uma aquarela para desenhar, um travesseiro para relaxar.

Dizem que as almas gêmeas começam aqui. Pessoas que se encontram no Sonho, e ali se apaixonam e quando renascem levam este sentimento com elas. Certas vezes, casais já vêm apaixonados e continuam com estes amores por várias vidas.


  • Bosque das Gostosuras

Todas as árvores estão lá, todas as frutas que existem estão lá, todos os legumes nascem do seu solo, todos as verduras ali brotam. E sempre estão maduras, prontas para comer, com o melhor sabor que existe, e apenas uma mordida é capaz de saciar toda a fome.


  • Casa de Banho

Feita do mais branco mármore, várias piscinas de todos os tamanhos, com águas de todas as temperaturas estão ali para aqueles que querem se refrescar. Alguns passam anos apenas sentido o calor da água termal em sua pele.


  • As Nuvens

Aqueles que vivem no sonho nunca querem dormir, mas as vezes apenas querem encostar em um lugar e descansar. No meio da Planície existe um buraco, e este buraco está cheio de fofas nuvens onde todos podem deitar e relaxar. E pelas frestas das nuvens é possível ver o lá embaixo, ver toda a Noskort, do alto e de longe. E lembrar que por mais que ali seja um sonho, a verdadeira vida é lá embaixo.


  • Outros Lugares
terras de cor
Ampliar
terras de cor

Ainda existem vários outros lugares na Planície como: o Rio Lácteo, que flui com o mais puro e gostoso do leite. As Rochas Cantantes, onde todos ali se reúnem para ouvir as pedras emitirem sempre belas músicas. O Fim do Arco-Íris onde tem um pote e dentro dele as pessoas podem ver o que acontece com seus parentes ainda vivos. Os Campos onde todos estão sempre correndo, brincando, dançando, felizes entre pessoas e animais.


  • A Arvore da Sabedoria

Às vezes está flutuando entre as Nuvens, outras vezes está no meio do Bosque, ou apenas flutuando nas águas próximas as praias. A Arvore nunca está no mesmo lugar por muito tempo, e logo você a encontra num ponto onde nunca viu antes. Mas se encontrá-la verá uma enorme macieira, com suas maças de ouro. E esta é a única regra de todo o Sonho, nunca coma a maçã.


  • Porto do Nascimento

Certo dia, um anjo virá até o falecido e dirá que já aproveitou demais dos sonhos, e está na hora de um novo acordar. Então ele é levado até o porto, e uma pequena jangada estará esperando. Então, ao embarcar o anjo dirá aquilo que está por vim, se ele nascerá numa família pobre ou rica, se será homem ou mulher, então empurra o barco.

Mas enquanto o barco caminha, e tal navegar parece durar eras de tranqüilidade, séculos de paz, sua mente vai apagando, suas memórias da vida passada vão fluindo, e então o barco está vazio, e nada mais existe. E em algum lugar um bebê nasce.


O Planalto do Pesadelo

Os Caminhos do Pesadelo
Ampliar
Os Caminhos do Pesadelo

Se fosse decidido que a alma era alguém que precisasse ser punido, ele era enviado para o Pesadelo. Cercada por murros que alcançavam o infinito, feito de ferro e cheio de espinhos, e queimavam aqueles que o tocassem, tornava impossível fugir do planalto. Só possuia uma única porta, mas ela era tão pequena que só era possível passar rastejando por ela. E lá dentro, você deparava com uma Serpente de Duas Cabeças conhecida como Slynserin, a Vingança. As Duas Cabeças decidiam o castigo do recém-chegado, e suas servas, as Damas sem Face levavam alma para o pesadelo final.

Quanto mais ao centro do Plantalto maior era o castigo, e apenas ser levado até seu local já é um grande sofrimento, pois era preciso ver milhares de almas sofrerem e punidas por seu crime.

As Damas sem Face são as aquelas que levam as almas aos seus castigos, mas também são aquelas que vão buscar alguma alma. Pois certas vezes Tolan, apenas decide que o castigo é temporário (embora sua noção de temporário pode ser de um dia ou até cem mil anos), então quando este tempo acaba, as Damas sem Faces vão buscar a alma para levar à Planície do Sonho.


Terra Alta

É onde estão os pecadores de Si mesmo. Aqueles que só fizeram mal a si mesmo aqui são punidos. Os gulosos por exemplo são amarrados em mesas e um cano enfiado em suas gargantas vão despejando uma sopa feita de comida podre. E imóveis não conseguem evitar os ratos que são atraido pelo local e ficam mordendo seus corpos eternamente. Os luxuriosos estão todos numa vala, onde é um grande amontoado de corpos, todos sedento por prazeres, mais ao tocar os sexos, queima ou congela, e só dor predomina. Os vaidosos estão em celas na qual o chão e paredes estão cobertas por cacos de espelhos. Os invejosos estão amarrados na Muralha do Planalto, como estão encostando no ferro em brasa suas peles queimam sempre, mas isto não é castigo, pois como estão ali, podem ver a Planície do Sonho.

Os irados tem as mãos substituídas por facas, e estão todos amontoados numa sala muito apartada, todos os dias batalhas sem fim começam. Aqueles que viveram na preguiça estão dentro de uma arena, e cães famintos estão sempre atrás deles, e só resta correr para não serem devorados. Por fim os avarentos, eles estão nus, e atrás deles hárpias que querem pedaços das únicas coisas que os tem, seus corpos. É na Terra Baixa que é encontrado os suicidas também. Eles estão em pequenos poços sem fim, caindo eternamente, e em volta deles corvos ficam gritando todos os problemas que eles tiveram em vida. Pois nem na morte é possível escapar daquilo que causa dor.


Terra Média

Aqui estão todos que fizeram mau alguém, seja enganando, machucando ou prejudicando. Os castigos, diferentes da Terra Baixa, são únicos para cada pecador. Cada um recebe a punição que merece. Um estuprador pedófilo pode ter uma um peso amarrado em seu sexo enquanto é violentado por trás por um dos demônios gigantes. Um ladrão tem os olhos arrancados, a boca costurada e as mãos decepadas, e jogado num deserto onde pode ouvir o som da água, e mesmo que a ache não consegue bebe-la, e logo a água some, e ele novamente tem que procura-la. Um traidor tem uma faca ficanda no meio das costa que faz arder e queimar, porém ele nunca consegue tirar ela pois suas mãos não alcançam.

É aqui que está a Mansão de Stepan, o deus da Discórdia. Todos que provocaram discórdias quando vivos, aqui são convidados para um banquete logo que chegam. Mas Stepan dá para beber aos convidados lava, e quando as gargantas são queimadas pelo fogo líquido. Stepan culpa um outro convidado por trocar o vinho pela lava. E como nas paredes do Salão de Jantar está cheio de armas, logo começa uma enorme briga para diversão de Stepan. No final do banquete, as Damas sem Rosto vem buscar os convidados para leva-los para seu verdadeiro castigo.

Também é na Terra Média que se encontra o Hospício de Maponus. Nela os loucos, os insanos, os sociopatas, aqueles que fizeram terriveis mal aos outros, mas não por culpa de suas almas negras, mas sim pela sua mente doentia aqui ficam. Presos em celas de bronze e com suas mãos amarradas. Não estão sujeitos à dor, mas nunca estarão livres.

No Hospício é onde vive o Deus da Doença, Maponus. Dizem que sua sala é um grande laboratório, onde novas doenças estão surgindo diariamente. E ele testa em aqueles que foram falsos curandeiros.


Terra Baixa

Os Soldados Congelados
Ampliar
Os Soldados Congelados

O maior de todos os crimes é punido aqui, o assassinato. E assim como na Terra Média, as punições são diferentes para cada um e de acordo com a gravidade do motivo da morte. Um assassino de uma criança que a torturou antes de mata-la é cozinhado em azeite fervente por toda a eternidade, aquele que matou após um assalto é espancado por gigantes portadores de marretas de prata. E aqueles que foram soldados de uma batalha não justa, mas apenas comandados por tiranos ficam num lago congelado.

Quase todos os guerreiros são trazidos até aqui. Mas aqueles que lutaram por uma causa justa, por um motivo divino, pela honra, por auto-defesa são apenas guiados até aqui pelas as Damas sem Face, viram de costa e são levados para fora do Pesadelo e guiados até o Sonho. Pois como dito, a jornada até o centro do Pesadelo já é um castigo suficiente.

Dizem que é o único local onde nenhum deus jamais foi. Apenas os demônios e as Damas Sem Face tem livre acesso. E por isso mesmo, é o local que menos sabemos de como é.


Ferramentas pessoais

sl
דומיין בעברית  דומיין  דומין  תוכנה לניהול  קשרי לקוחות  CRM, ניהול קשרי לקוחות  דומין בעברית  פורומים  ספרדית  גיבוי